Archive for janeiro \23\UTC 2007

h1

BEM VINDOS AO DESENCAIXE

23 janeiro, 2007

Acho escrever posts inaugurais uma difícil tarefa, aliás, qualquer forma de apresentação o é – falo com conhecimento de causa, o último que fiz ficou um tanto estranho e não trouxe bons presságios. Diga-se de passagem, o que era para ser um desencaixe, acabou encaixando-se nas minhas más expectativas.
Poderia muito bem cortar os laços de cetim com um novo conto ou poema, ou até mesmo com um velho, mas prometi que explicaria a mudança de nome e endereço.

Miss Janis Joplin: O pseudônimo.

Aparentemente não há dúvidas quanto o que me motivou a escolhê-lo.
É por eu gostar de Janis Joplin? Sim, é.
Foi esse o meu nickname escolhido para acessar o irc, mas como já havia alguma “Janis Joplin” por lá e os nicknames são registrados, o que impede que duas pessoas utilizem o mesmo, acrescentei Miss (senhorita) na frente. Simples assim.

Miss Janis Joplin: O blog.

A primeira vez que criei um blog, ainda no Blig (hospedagem para blogs na IG), faltava pouco para começar a “febre bloguística” e foi com esse nome. Só quase dois anos depois é que mudei de hospedagem e passei a usar a Blogger.
Usei para o título e também para o pseudônimo o M.J.J primeiro por falta de criatividade em achar título melhor e depois, para fazer dele uma continuação do meu nickname – manter o anonimato virtual. Era uma idéia interessante com certeza, afinal, poderia falar dos meus anseios pós-puberdade sem ser “reconhecida” por nenhum colega de escola ou parente. Funcionou, claro, até eu deixar escapar o endereço dele por aí.

Mudança de endereço e de nome.

Imagino que todos que lêem meu blog já notaram que passou a fase de escondê-lo, de tê-lo com um diário ou algo assim. Acho que posso dizer que meu blog amadureceu junto comigo.
Não estou dizendo que não trato de assuntos do meu cotidiano ou então, que não os relate como se estivesse fazendo em um diário, mas agora é diferente e são “casos isolados”.
Outra coisa perceptível é que como não quero (e nem preciso) escondê-lo a idéia do pseudônimo cai por terra, aliás, já caiu desde que passei a usar meu nome no blog. Perdeu o sentido em ter um blog com o mesmo nome de meu pseudônimo, da mesma forma também perdeu sentido ter um pseudônimo.
Confesso que várias vezes pensei sobre o assunto e também várias vezes relutei para fazer o que estou fazendo agora, mas não por comodidade e sim por “oportunidade”. Este título (blog e pseudônimo) me permitiu conhecer pessoas muito interessantes e que talvez nunca tivesse conhecido se não fosse por ele, mas enfim…

Desencaixe?

Aposto que não demorará á aparecerem perguntas sobre o significado do novo nome… Mas o que tenho a dizer é que o significado deve ficar por conta de cada um.
(Des)encaixem suas idéias!